SUGESTÃO DE PAUTA | EXPEDIENTE 22 de Julho de 2024


Esporte Sexta-feira, 10 de Maio de 2024, 13:04 - A | A

10 de Maio de 2024, 13h:04 - A | A

Esporte / FUTEBOL FEMININO

Mixto entra com recurso no STJD para ter Bia contra o Taubaté

Alvinegro questiona cartão vermelho aplicado pelo árbitro Luiz Paulo contra meia em jogo diante do Minas Brasília

MIXTO E.C.
CUIABÁ MAIS
www.novomixto.com.br



O Mixto apresentou mandado de garantia com efeito suspensivo ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), contra a decisão do árbitro Luiz Paulo de Moura Pinheiro que aplicou um cartão vermelho de forma direta a meia Bia, durante partida contra o Minas Brasília, no último sábado (4).

Durante o segundo tempo da partida, válida pela quarta rodada da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino, no estádio Dutrinha, a meia foi expulsa de campo após receber um cartão vermelho direto, aplicado por Luiz Paulo sob orientação do assistente Gislan Antonio Garcia da Silva.

Todavia, o Mixto argumenta que a falta inicial do lance parte da jogadora adversária Ju (camisa 6), que dá um puxão no ombro da meia Bia (camisa 10), que recebe uma trombada nas costas na sequência pela atleta Pires (camisa 13), ao estar em posse da bola. Ao se virar após o empurrão, Bia acaba acertando o braço, sem intenção na colega de campo.

Após o lance, o árbitro Luiz Paulo aplica o cartão amarelo a jogadora do Alvinegro, mas na sequência, é chamado à beira do campo pelo assistente Gislan, que orientou a aplicação do cartão vermelho à atleta, mesmo sem a existência do árbitro de vídeo (VAR) na partida.

O Mixto aguarda a decisão liminar até esta sexta-feira (10), para poder escalar a meia Bia, para o confronto diante do Taubaté, que ocorre neste domingo (12), às 14 (de MT), em Guaratinguetá-SP.



Comente esta notícia


65 98119-2325

[email protected]

icon facebook icon twitter icon instagram