SUGESTÃO DE PAUTA | EXPEDIENTE 22 de Junho de 2024


Polícia Sábado, 04 de Novembro de 2023, 05:51 - A | A

04 de Novembro de 2023, 05h:51 - A | A

Polícia / Famosos

Bruno De Luca quebra o silêncio sobre o atropelamento de Kayky Brito após dois meses

Dois meses após o atropelamento de Kayky Brito, o apresentador Bruno De Luca fez um desabafo nas redes sociais, dando detalhes sobre o acidente, nesta sexta-feira (3)

Terra Brasil Notícias
CUIABÁ MAIS
www.terrabrasilnoticias.com



Dois meses após o atropelamento de Kayky Brito, o apresentador Bruno De Luca fez um desabafo nas redes sociais, dando detalhes sobre o acidente, nesta sexta-feira (3). Bruno estava com Kayky momentos antes da colisão e foi indiciado por omissão de socorro. Em sua postagem no Instagram, Bruno afirmou que desde o acidente, tem mantido “contato constante com a família” e tem conversado com o ator “sobre seus progressos clínicos e na fisioterapia.”“Desde o dia 2 de setembro tenho vivido numa angústia muito grande. Minha principal preocupação era o estado de saúde do Kayky. Durante este período, mantive contato constante com a família dele, que sempre me atualizou sobre sua evolução. Desde que ele recebeu alta e teve acesso ao seu celular, estamos nos falando e ele vem me contando sobre seus progressos clínicos e na fisioterapia. Isso tem acalmado meu coração. Esses 2 meses também me trouxeram lições valiosas sobre a vida, a responsabilidade, limites e como a vida pode virar de cabeça pra baixo em segundos. Desde que o Kayky se mudou pra Curitiba, há pouco mais de um ano, nossos encontros ficaram mais raros. Naquela noite, nos encontramos pra celebrar os novos momentos de nossas vidas: paternidade, família, novos objetivos. Infelizmente, toda essa empolgação nos fez exagerar na bebida, e esse exagero transformou a comemoração em tragédia. Estou fazendo hipnoterapia, meditação guiada e pensado muito. O acidente que vi me deixou em estado de choque, transtornado. Na minha cabeça eu tinha presenciado uma morte. Todos esses eventos naquela noite afetaram minha capacidade de discernimento e coerência. Fiquei totalmente descontrolado e mentalmente abalado. Por mais que nossas vidas tenham mudado completamente naquele dia, eu resolvi agradecer. Agradecer pelo Kayky estar vivo, ter tido uma nova chance. Agradecer pelo Diones ter prestado socorro prontamente (…)”.

Gazeta Brasil



Comente esta notícia


65 98119-2325

[email protected]

icon facebook icon twitter icon instagram